A Senhora da Tundra

(4 avaliações de clientes)

Quando a longa noite polar estendia seu manto de escuridão sobre o mundo, os nórdicos sabiam que seriam caçados, pois os draugar estavam vindo. Esses seres malditos, que comiam carne de mundanos. Eles, que já foram humanos e deveriam estar sob a terra, mas na morte se entregaram a Grafvölludr-Gulon, a serpente devoradora de homens que lhes deu uma nova existência. Jarnsaxa é uma bastarda do rei Drakkar, que comanda todos os draugar. Atormentada por uma revelação do passado que envolve o seu rei, a Ursa da Tundra – como é conhecida – se torna uma desertora e inicia uma busca por vilarejos, montanhas e santuários à procura de um homem que dizem ser um enviado das Nornas e de Odin e que poderá matar Drakkar.

A Senhora da Tundra se passa em um período obscuro da Era Viking, quando os escandinavos acreditavam que os deuses os haviam abandonado. A história é um convite para o leitor adentrar no folclore, na mitologia e na magia nórdicos, percorrendo cenários fantásticos e um enredo épico, repleto de cenas de batalha e personagens memoráveis.

4 Avaliações para A Senhora da Tundra

  1. 5 de 5

    Laura

    Maravilhoso do início ao fim. Recomendo 100% para quem curte Vikings, e até mesmo os livros de Bernard Cornwell. Este livro me fez interessar-me mais pelo universo escandinavo.

  2. 5 de 5

    Paula Martins

    Maravilhoso! Li tão rápido que quase não percebi as 374 páginas! Uma obra de arte que espero que tenha continuidade.

  3. 5 de 5

    Rafael Marques

    Fantástico e épico. Uma leitura que me fez viajar pelas paisagens da Noruega e a querer conhecer mais sobre mitologia nórdica. Momentos surpreendentes e que me prenderam. Poético e sombrio. Recomendo 100%

  4. 4 de 5

    Bia C.

    Grandioso, épico. Adorei a forma densa com que foi escrita.

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *